1. Página inicial
  2. Termos e Condições Gerais

Termos e Condições Gerais

Parágrafo 1 Geral

  1. As seguintes condições se aplicam a todas as ofertas, entregas e serviços. Essas são parte integrante de todos os contratos que celebramos com nossos distribuidores (doravante também referidos como “clientes”) para as entregas ou serviços oferecidos por nós. Também se aplicam a todas as entregas, serviços ou ofertas futuras ao cliente, mesmo que não sejam novamente acordados separadamente.
  2. Os termos e condições do cliente ou de terceiros não se aplicam, mesmo que não nos oponhamos separadamente a sua validade em casos individuais. Mesmo se nos referirmos a uma carta que contenha ou se refira aos termos e condições do cliente ou de terceiros, isso não constitui um acordo sobre a validade desses termos e condições.

Parágrafo 2 Oferta e celebração do contrato

  1. Nossas ofertas estão sujeitas a alterações e não são vinculativas, a menos que sejam expressamente identificadas como vinculativas ou contenham um período específico de aceitação. Contratos, outros acordos e declarações só se tornarão vinculativos após nossa confirmação por escrito, a menos que um documento contratual seja assinado por ambas as partes.
  2. Os documentos pertencentes à oferta, tais como figuras, desenhos, pesos e dimensões, são apenas aproximados, a menos que a usabilidade para o propósito contratualmente pretendido exija a conformidade exata. Eles não são características garantidas, mas descrições ou identificações da entrega ou serviço. Desvios que são habituais no comércio e desvios que ocorrem devido a regulamentações legais ou representam melhorias técnicas, bem como a substituição de componentes por peças equivalentes, são permitidos desde que não prejudiquem a usabilidade para a finalidade contratual pretendida.
  3. Mantemos a propriedade ou direitos autorais de todas as cotações e estimativas de custos apresentadas por nós, assim como desenhos, figuras, cálculos, folhetos, catálogos, modelos, ferramentas e outros documentos e auxílios colocados à disposição do cliente. O cliente não pode tornar esses itens acessíveis a terceiros, revelá-los, usá-los ele mesmo ou através de terceiros ou reproduzi-los sem nosso consentimento expresso, seja como tal ou em termos de conteúdo. A nosso pedido, ele deve nos devolver esses itens na íntegra e destruir quaisquer cópias feitas, se não forem mais requeridas por ele no curso normal dos negócios ou se as negociações não conduzirem à celebração de um contrato.
  4. Na medida em que se trata de um contrato de fornecimento ao qual pertencem vários documentos, a prioridade a seguir será aplicada no caso de contradição dos documentos individuais:
    • Nossa confirmação de pedido com todos os complementos
    • Desenhos:
      • 1. Desenhos detalhados
      • 2. Desenhos gerais
      • 3. Folhas de normalização
    • Especificações
    • Esses Termos e Condições Gerais

  5. Adições e emendas aos acordos feitos, incluindo esses Termos e Condições Gerais, devem ser feitas por escrito para serem efetivas. Com exceção dos diretores executivos ou signatários autorizados, nossos funcionários não estão autorizados a fazer acordos verbais que se desviem do indicado acima. A transmissão por telecomunicação, em particular por fax ou e-mail, será suficiente para cumprir com a forma escrita, desde que a cópia da declaração assinada seja transmitida.

Parágrafo 3 Preços e pagamentos

  1. Salvo acordo em contrário, os preços de fábrica são cotados em EUROS, incluindo o carregamento, mas excluindo a embalagem. Para entregas e serviços nacionais, será aplicado aos preços o IVA à taxa aplicável no momento da fatura, e para entregas de exportação serão adicionados direitos alfandegários, taxas e outros encargos públicos. Se, em caso de negócios no exterior, a mercadoria permanecer na Alemanha ou se não for apresentada prova de exportação, temos o direito de cobrar o IVA à taxa legal e outras despesas. Todos os outros impostos, taxas e encargos que surjam fora da República Federal da Alemanha serão suportados pelo cliente.
  2. Se, entre a celebração do contrato e a data de entrega, houver uma alteração significativa nos fatores de custo decisivos, tais como, em particular, os custos de salários, material de entrada ou frete, as partes deverão acordar um ajuste do preço acordado em um grau razoável de acordo com a influência dos fatores de custo decisivos.
  3. A menos que expressamente acordado de outra forma, os pagamentos são pagos em dinheiro líquido sem custos dentro de 30 dias a partir da data da fatura. A data de nosso recebimento será decisiva para a data do pagamento. Se o cliente não pagar na data de vencimento, serão devidos juros de 5% ao ano sobre os valores pendentes a partir da data de vencimento; o direito de exigir juros mais altos e outros danos em caso de inadimplência permanecerá inalterado. Quaisquer descontos ou abatimentos concedidos serão confiscados em caso de atraso no pagamento.
  4. Qualquer liquidação por letras de câmbio, que só são aceitas por nós após acordo expresso e por conta de pagamento, não concede qualquer direito a desconto.
  5. Temos o direito de efetuar ou prestar serviços ou entregas pendentes só contra pagamento antecipado ou prestação de garantia de segurança se, após a celebração do contrato, tomarmos conhecimento de circunstâncias que possam reduzir substancialmente a solvência do cliente; e, como resultado disso, se o pagamento de nossos créditos pendentes pelo cliente sob a respectiva relação contratual (inclusive sob outras ordens individuais às quais se aplica o mesmo contrato principal) estiver comprometido.
  6. A compensação com pedidos reconvencionais do cliente ou a retenção de pagamentos devidos a tais pedidos só é permitida na medida em que os pedidos reconvencionais sejam indiscutíveis ou tenham sido legalmente estabelecidos.
  7. Na medida em que indicamos que a mercadoria está pronta para despacho e isso não ocorra antes da data contratualmente acordada, temos o direito de faturar por nosso desempenho. Em caso de prontidão para despacho antes da data contratualmente acordada, o prazo de pagamento começa a correr a partir do momento da data contratualmente acordada.

Parágrafo 4 Prazos de entrega, atrasos na entrega

  1. O prazo de entrega acordado começa com o envio da confirmação do pedido e só se aplica na condição de que todos os detalhes do contrato sejam esclarecidos e todas as obrigações do cliente sejam cumpridas em tempo hábil. Um outro pré-requisito para o início do período de entrega é que um adiantamento acordado seja recebido por nós dentro do prazo. O prazo de entrega é considerado cumprido se a mercadoria tiver saído da fábrica ou se a notificação de prontidão para despacho tiver sido dada até o momento em que o prazo de entrega expirar.
  2. O prazo de entrega será prorrogado adequadamente em caso de eventos imprevistos que nos afetam ou a nossos fornecedores, o que não pudemos evitar mesmo com razoável cuidado de acordo com as circunstâncias do caso e que tenham uma influência considerável em nossas obrigações. Isso inclui em particular guerra, intervenções oficiais, interrupções operacionais, disputas industriais e atrasos na entrega de materiais operacionais ou materiais de entrada. Se a entrega se tornar impossível ou pouco razoável para nós devido ao impedimento, podemos desistir do contrato. Nos comprometemos a informar imediatamente o cliente sobre a ocorrência de um evento imprevisível.
  3. No caso de uma prorrogação do prazo de entrega de acordo com o parágrafo 2, o cliente pode rescindir o contrato por meio de uma declaração escrita imediata para nós se não for razoável esperar que ele aceite a mercadoria devido ao atraso.
  4. Temos o direito de fazer entregas parciais se
  5. a entrega parcial é utilizável para o cliente dentro do escopo da finalidade contratual pretendida,
  6. a entrega dos demais bens pedidos é assegurada e
  7. o cliente não incorre em nenhuma despesa ou custo adicional significativo como resultado disso (a menos que concordemos em arcar com esses custos).
  8. Se estivermos em falta com uma entrega ou serviço ou se uma entrega ou serviço se tornar impossível para nós, por qualquer motivo, nossa responsabilidade por danos será limitada de acordo com o parágrafo 9 desses Termos e Condições Gerais.
  9. Se a entrega for atrasada por um motivo pelo qual o cliente é responsável, temos o direito de guardar a mercadoria às custas do cliente, a nosso critério razoável, e de tomar todas as medidas para a preservação da mercadoria, a nosso critério razoável.

Parágrafo 5 Transferência de risco, envio

  1. O risco passará para o cliente o mais tardar quando o item for entregue (sendo que o início do processo de carregamento será decisivo) ao despachante, transportador ou outro terceiro designado para realizar o envio. Isso também se aplica se forem feitas entregas parciais ou se tivermos contratado outros serviços (p. ex., envio ou instalação).
  2. No caso de entrega gratuita no local de destino, a descarga e remoção do material de embalagem não fazem parte de nossos serviços.
  3. Se o envio for atrasado como resultado de circunstâncias pelas quais o cliente é responsável, o risco passará para o cliente a partir do dia em que a mercadoria estiver pronta para envio, desde que tenhamos notificado o cliente do mesmo.
  4. Os custos de armazenamento após a transferência do risco serão assumidos pelo cliente. No caso de armazenamento por nós, os custos de armazenamento serão de 0,25% do valor da fatura dos itens de entrega a serem armazenados por semana vencida. Reservamo-nos o direito de reivindicar e provar mais ou menos custos de armazenagem.
  5. Só seguraremos a transmissão contra roubo, quebra, transporte, danos causados por incêndio e água ou outros riscos seguráveis sob pedido expresso do cliente e às custas do cliente.
  6. A mercadoria será aceita pelo cliente, mesmo que tenha defeitos insignificantes, sem prejuízo dos direitos previstos no parágrafo
  7. Se a aceitação tiver sido acordada entre as partes, será elaborado um relatório no último dia de aceitação e assinado pelas partes. Defeitos insignificantes não dão ao cliente o direito de recusar a aceitação. Se o contrato estipula a aceitação da mercadoria antes do despacho, notificaremos a data de aceitação em tempo hábil. Se o cliente errar culposamente a data de aceitação, a mercadoria será considerada como aceita.

Parágrafo 6 Retenção de propriedade

  1. A retenção de propriedade acordada abaixo serve para assegurar todas as reivindicações atuais e futuras, respectivamente, contra o cliente, decorrentes da relação de fornecimento existente entre nós em relação a produtos de técnica de equipamentos (incluindo reivindicações de saldo de uma relação de conta corrente limitada a essa relação de fornecimento).
  2. A mercadoria entregue por nós ao cliente permanece nossa propriedade até o pagamento integral de todas as reivindicações garantidas. Os bens, bem como os cobertos pela retenção de propriedade que tomam seu lugar de acordo com as seguintes disposições, são doravante referidas como “bens sujeitas a retenção de propriedade”.
  3. O cliente terá o direito de processar e vender os bens sujeitos a retenção de propriedade no curso normal dos negócios até o evento de sua realização (cláusula 9). Promessas e transferências de propriedade por meio de segurança não são permitidas.
  4. Se a mercadoria reservada for processada pelo cliente, fica acordado que o processamento será realizado em nosso nome e por nossa conta como fabricante e que adquiriremos a propriedade direta, ou se o processamento for realizado a partir de materiais de vários proprietários, ou se o valor do item processado for superior ao valor da mercadoria reservada, a copropriedade (propriedade fracionada) do item recém-criado na relação entre o valor da mercadoria reservada e o valor do item recém-criado. Caso não ocorra tal aquisição de propriedade, o cliente já atribui agora sua futura propriedade ou, na relação acima mencionada, a copropriedade do item recém-criado para nós como garantia. Se a mercadoria reservada for combinada ou misturada inseparavelmente com outros itens para formar um item uniforme e se um dos outros itens for considerado como o item principal, transferiremos ao cliente, na medida em que o item principal nos pertença, a copropriedade do item uniforme na proporção especificada na frase 1.
  5. No caso de revenda da mercadoria sujeita a retenção de propriedade, o cliente nos cede por meio de garantia a reclamação resultante contra o comprador, no caso de copropriedade da nossa parte da mercadoria sujeita a retenção de propriedade, na proporção da quota de copropriedade. O mesmo se aplica a outras reivindicações que tomam o lugar dos bens reservados ou que de outra forma surgem em relação aos bens reservados, tais como reivindicações de seguros ou reivindicações em caso de danos ou destruição. Autorizamos revogavelmente o cliente a cobrar as reclamações que nos foram atribuídas em seu próprio nome. Só podemos revogar essa autorização de débito direto no caso de realização.
  6. Se terceiros tiverem acesso aos bens sujeitos a retenção de propriedade, em particular por meio de apreensão, o cliente deverá os notificar imediatamente de nossa propriedade e nos informar a respeito, a fim de que possam fazer valer seus direitos de propriedade. Se o terceiro não estiver em condições de nos reembolsar os custos judiciais ou extrajudiciais incorridos nesse contexto, o cliente será responsável por isso perante nós.
  7. Se o valor dos títulos existentes (bens sujeitos a retenção de propriedade, bem como os itens ou reivindicações que os substituem) exceder nossas reivindicações em mais de 20% no total, nessa medida seremos obrigados a liberar títulos de nossa escolha, a pedido do cliente.
  8. Na medida em que fora da República Federal da Alemanha a validade da retenção de propriedade está sujeita a condições especiais, o cliente deve garantir que nos seja concedida uma garantia correspondente.
  9. Se nos retirarmos do contrato em caso de violação do mesmo por parte do cliente, em particular, inadimplência no pagamento (evento de realização), temos o direito de exigir a devolução dos bens sujeitos à retenção da titularidade.

Parágrafo 7 Defeitos dos bens, garantia

  1. O período de garantia será de um ano a partir da transferência do risco ou, se for necessária a aceitação, a partir da aceitação. Após uma aceitação acordada, a notificação de defeitos que possam ser detectados durante a aceitação é excluída.
  2. Os itens entregues devem ser cuidadosamente inspecionados imediatamente após a entrega ao cliente ou a terceiro designado pelo cliente. Eles serão considerados aprovados pelo cliente com relação a defeitos óbvios ou outros defeitos que teriam sido reconhecidos durante uma análise imediata e cuidadosa, se não recebermos uma notificação por escrito dos defeitos dentro de sete dias úteis após a entrega. Com relação a outros defeitos, os itens de entrega serão considerados aprovados pelo cliente se o aviso de defeito não for recebido por nós dentro de sete dias úteis após o momento em que o defeito se tornou aparente; entretanto, se o defeito já era aparente ao cliente em um momento anterior durante o uso normal, esse momento anterior será decisivo para o início do período de aviso de defeito. A nosso pedido, um item de entrega rejeitado deve ser devolvido a nós com porte pago. Em caso de reclamação justificada, reembolsaremos os custos do método de envio mais barato; isso não se aplicará na medida em que os custos aumentem porque o item de entrega está localizado em um local diferente do local de uso pretendido.
  3. No caso de defeitos materiais nos itens entregues, seremos obrigados e com direito, a nosso critério e dentro de um período de tempo razoável, a remediar o defeito ou entregar um substituto. Em caso de falha, ou seja, impossibilidade, falta de razoabilidade, recusa ou atraso injustificado da remediação ou entrega de substituição, o cliente pode rescindir o contrato ou reduzir razoavelmente o preço de compra. Só em casos urgentes de perigo para a segurança operacional e para evitar danos desproporcionalmente grandes, caso em que devemos ser notificados imediatamente, ou se estivermos em falta com a remediação do defeito, o cliente terá o direito de remediar ele mesmo o defeito ou mandá-lo remediar por terceiros e nos exigir uma compensação pelos custos necessários.
  4. A garantia expira, sujeita à cláusula 3, frase 3, se o cliente modificar o item de entrega ou se o mesmo for modificado por terceiros sem nosso consentimento e a remediação de defeitos for, assim, impossibilitada ou dificultada de forma injustificada. Em qualquer caso, o cliente deverá arcar com os custos adicionais para remediar o defeito resultante da mudança.

Parágrafo 8 Direitos de propriedade

  1. O item de entrega está livre de direitos de propriedade ou direitos autorais de terceiros, de acordo com esse parágrafo 8. Cada parte contratante deverá notificar a outra parte contratante por escrito, sem demora, se forem feitas reivindicações contra ela pela violação de tais direitos.
  2. No caso do item de entrega infringir um direito de propriedade ou direitos autorais de terceiros, nós, a nosso critério e às nossas custas, modificaremos ou substituiremos o item de entrega de tal forma que os direitos de terceiros não sejam mais infringidos, mas de forma a que o item de entrega continue a cumprir as funções acordadas contratualmente, ou adquiriremos o direito de uso para o cliente através da celebração de um contrato de licença. Se não o conseguirmos fazer dentro de um prazo razoável, o cliente tem o direito de rescindir o contrato ou reduzir o preço de compra adequadamente. Qualquer reclamação por danos por parte do cliente está sujeita às limitações do parágrafo 9 desses Termos e Condições Gerais.
  3. Em caso de violação de direitos por produtos de outros fabricantes fornecidos por nós, opcionalmente, poderemos fazer valer nossas reivindicações contra os fabricantes e fornecedores a montante por conta do cliente ou atribuí-las ao cliente. Nesses casos, as reclamações contra nós só existirão de acordo com esse parágrafo 8 se a execução judicial das reclamações acima mencionadas contra os fabricantes e fornecedores a montante foi infrutífera ou é inútil, por exemplo, devido a insolvência.

Parágrafo 9 Responsabilidades

  1. Nossa responsabilidade por danos, independentemente dos fundamentos legais, em particular devido a impossibilidade, atraso, entrega defeituosa ou incorreta, quebra de contrato, violação de deveres durante as negociações contratuais e ato ilícito, será limitada de acordo com as disposições desse parágrafo 9, na medida em que a culpa seja relevante em cada caso.
  2. Não seremos responsáveis no caso de simples negligência por parte de nossos órgãos, representantes legais, funcionários ou outros agentes indiretos, desde que isso não envolva uma violação de obrigações contratuais materiais. As obrigações contratuais materiais são a obrigação de entregar e instalar o item de entrega dentro do prazo, sua isenção de defeitos que prejudiquem sua funcionalidade ou usabilidade de forma mais do que insignificante, bem como obrigações de aconselhamento, proteção e custódia que se destinam a permitir que o cliente use o item de entrega de acordo com o contrato ou que se destinam a proteger a vida ou membro do pessoal do cliente ou a proteger a propriedade do cliente de danos significativos.
  3. Na medida em que somos responsáveis por danos de acordo com o parágrafo 9,  cláusula 2, essa responsabilidade é limitada aos danos que previmos como possível consequência de uma quebra de contrato no momento da celebração do contrato ou que deveríamos ter previsto ao exercer o devido cuidado. Danos indiretos e danos resultantes de defeitos no item de entrega também só são elegíveis para compensação na medida em que tais danos são tipicamente esperados quando o item de entrega é usado para o propósito pretendido.
  4. Em caso de responsabilidade por simples negligência, nossa responsabilidade de pagar indenização por danos à propriedade e outras perdas financeiras resultantes disso será limitada a um montante de 50.000 euros por caso de danos, mesmo que esteja envolvida uma violação de obrigações contratuais materiais.
  5. As exclusões e limitações de responsabilidade acima se aplicam na mesma medida em favor de nossos órgãos, representantes legais, funcionários e outros agentes indiretos.
  6. Na medida em que fornecemos informações técnicas ou atuamos na qualidade de consultores e essas informações ou conselhos não fazem parte do escopo dos serviços devidos contratualmente acordados, isso será feito gratuitamente e com exclusão de qualquer responsabilidade.
  7. As limitações desse parágrafo 9 não se aplicam à nossa responsabilidade por conduta intencional, por características garantidas, por lesão à vida, membro ou saúde ou sob a lei de responsabilidade pelo produto.

Parágrafo 10 Local de atuação, local de jurisdição, lei aplicável

  1. O local de atuação de todas as obrigações decorrentes desse contrato é Bergisch Gladbach.
  2. O local de jurisdição para todas as disputas decorrentes do relacionamento entre nós e o cliente, também para ações sobre letras de câmbio e cheques, é Bergisch Gladbach, se o cliente for um comerciante, uma pessoa jurídica de direito público ou um fundo especial de direito público ou não tiver um local geral de jurisdição na Alemanha. Temos também o direito de processar na sede do cliente. As disposições legais obrigatórias sobre os locais exclusivos de jurisdição não serão afetadas por essa disposição.
  3. As relações contratuais estão exclusivamente sujeitas à lei da República Federal da Alemanha. A Convenção das Nações Unidas sobre contratos para a venda internacional de bens de 11 de abril de 1980 (CISG) não se aplica.
  4. Na medida em que o contrato ou esses Termos e Condições Gerais contenham lacunas, aquelas disposições legalmente eficazes serão consideradas como tendo sido acordadas para preencher essas lacunas que as partes contratantes teriam acordado de acordo com os objetivos econômicos do contrato e a finalidade desses Termos e Condições Gerais se tivessem tido conhecimento da lacuna.

 

Versão: 11/2015

 

Condições gerais de compra

Parágrafo 1 Validade

  1. Todas as entregas, serviços e ofertas de nossos fornecedores devem ser feitas exclusivamente com base nesses Termos e Condições Gerais de Compra. Esses são parte integrante de todos os contratos que celebramos com nossos fornecedores para as entregas ou serviços que eles oferecem. Também se aplicam a todas as futuras entregas, serviços ou ofertas ao cliente, mesmo que não sejam novamente acordados separadamente.
  2. Os termos e condições de nossos fornecedores ou de terceiros não se aplicam, mesmo que não nos oponhamos separadamente à sua validade em casos individuais. Mesmo se nos referirmos a uma carta contendo ou nos referirmos aos termos e condições do fornecedor ou de um terceiro, isso não constitui um acordo sobre a validade desses termos e condições.

Parágrafo 2 Pedidos e comissões

  1. Só os pedidos feitos por escrito são obrigatórios para nós. Acordos verbais ou acordos feitos por telefone requerem nossa confirmação. Na medida em que nossas ofertas não contenham expressamente um período de vinculação, estaremos vinculados a elas durante uma semana após a data da oferta. O recebimento da declaração de aceitação por nós é decisivo para uma aceitação em tempo hábil.
  2. Temos o direito de alterar o horário e local de entrega, bem como o tipo de embalagem, a qualquer momento, mediante notificação por escrito pelo menos 14 dias antes da data de entrega acordada. O mesmo se aplica às alterações nas especificações do produto, na medida em que essas possam ser implementadas no âmbito do processo normal de produção do fornecedor sem esforço adicional significativo, devendo ser observado um período de tempo razoável em tais casos. Devemos reembolsar o fornecedor por quaisquer custos adicionais comprovados e razoáveis incorridos como resultado da alteração. Se tais mudanças resultarem em atrasos na entrega que não podem ser evitados na produção normal e nas operações comerciais do fornecedor com esforços razoáveis, a data de entrega originalmente acordada deverá ser adiada em conformidade. O fornecedor deverá nos notificar por escrito sobre quaisquer custos adicionais ou atrasos na entrega que se espera dele, mediante avaliação cuidadosa em tempo hábil antes da data de entrega, mas pelo menos dentro de 14 dias úteis após o recebimento de nossa notificação, de acordo com a frase 1.

Parágrafo 3 Preços, condições de pagamento, detalhes da fatura

  1. Os preços apresentados no pedido são preços fixos, incluindo quaisquer descontos, e são exclusivos do IVA.
  2. A menos que acordado de outra forma por escrito, o preço inclui a entrega e o transporte para o endereço de envio indicado no contrato, incluindo a embalagem.
  3. Na medida em que, segundo o acordo alcançado, o preço não inclui a embalagem e o pagamento pela embalagem, que não é fornecida apenas por empréstimo, não é expressamente determinada, essa deve ser cobrada ao preço de custo verificável. A nosso pedido, o fornecedor deve aceitar a embalagem de volta às suas próprias custas.
  4. A menos que de outra forma acordado, pagaremos o preço de compra dentro de 14 dias após a entrega da mercadoria e recebimento da fatura com um desconto de 3% ou dentro de 30 dias líquidos. O recebimento de nossa ordem de transferência por nosso banco será suficiente para a pontualidade dos pagamentos devidos por nós.
  5. As faturas, incluindo faturas de frete, devem ser apresentadas separadamente em triplicado imediatamente após a entrega. Todas as confirmações de pedidos, documentos de entrega e faturas devem indicar nossos números de pedidos e itens de pedido. Se um ou mais desses detalhes estiverem faltando e isso atrasar nosso processamento no curso normal dos negócios, os prazos de pagamento referidos no parágrafo 4 serão prorrogados pelo período do atraso.
  6. Em caso de inadimplência no pagamento, devemos pagar juros de mora no valor de cinco pontos percentuais acima da taxa de juros base, de acordo com o parágrafo 247 do BGB.

Parágrafo 4 Prazo de entrega e entrega

  1. O prazo de entrega (data ou prazo de entrega) especificado por nós no pedido ou de outra forma decisivo de acordo com esses Termos e Condições Gerais de Compra será vinculativo. Entregas antecipadas não são permitidas.
  2. O fornecedor é obrigado a nos informar imediatamente por escrito se ocorrerem ou se se tornarem aparentes circunstâncias de acordo com as quais o prazo de entrega não possa ser cumprido.
  3. Se o dia em que a entrega deve ser feita, no máximo, puder ser determinado com base no contrato, o fornecedor estará em falta no vencimento desse dia sem que seja necessário um lembrete de nossa parte.
  4. Em caso de atraso na entrega, teremos direito às reivindicações legais sem restrições, incluindo o direito de rescisão do contrato e a reivindicação de indenização por danos ao invés de execução após a expiração infrutífera de um período de carência razoável.
  5. Em caso de atraso na entrega, teremos o direito, após aviso prévio por escrito ao fornecedor, de exigir uma penalização contratual de 0,5%, até um máximo de 5%, do valor do respectivo pedido para cada semana iniciada de atraso na entrega. A penalização contratual será compensada contra os danos compensatórios causados pela demora pelo fornecedor.
  6. O fornecedor não está autorizado a fazer entregas parciais sem nosso consentimento prévio por escrito. No caso de uma entrega parcial justificada, o direito de rescisão do contrato nos termos da cláusula 4 acima, devido ao atraso na entrega após a execução parcial já ter sido feita, se aplicará a todo o pedido. No entanto, também teremos o direito de nos retirar apenas da parte da entrega ainda não realizada.

Parágrafo 5 Transferência de risco, envio

  1. Mesmo que o envio tenha sido acordado, o risco só passará para nós quando a mercadoria nos for entregue no destino acordado.
  2. O fornecedor deve segurar os transportes destinados a nós contra danos de transporte às suas próprias custas até que a entrega completa seja feita. Em caso de devolução, os bens serão enviados por conta e risco do fornecedor.
  3. As notificações de envio devem ser enviadas para nós no dia em que a mercadoria é despachada.
  4. Deve ser sempre declarado: Em correspondência, todos os dados, p. ex., departamento, números de pedidos e itens, assunto etc., em notificações de despacho, tipo e data de despacho, peso bruto/peso líquido, dimensões externas e conteúdo exato especificado por embalagem. Em caso de não cumprimento de nossas instruções de envio, todos os custos incorridos como resultado, tais como frete adicional, encargos de sobreestadia, encargos de conversão e similares, serão suportados pelo fornecedor.
  5. Na medida em que tenha sido acordado que o frete deve ser suportado por nós, o fornecedor é responsável pela indicação suficiente e correta do conteúdo nos documentos de transporte. Na medida em que os custos ou custos adicionais de frete surjam devido a informações incompletas ou incorretas, estes serão suportados pelo fornecedor.

Parágrafo 6 Garantia de propriedade

  1. Reservamos a propriedade ou direitos autorais para pedidos feitos por nós, encomendas, bem como desenhos, figuras, cálculos, descrições e outros documentos colocados à disposição do fornecedor. O fornecedor não pode torná-los acessíveis a terceiros nem usá-los ou reproduzi-los ele mesmo ou através de terceiros sem nosso consentimento expresso. A nosso pedido, ele deve nos devolver esses documentos na íntegra, se não forem mais requeridos por ele no curso normal dos negócios ou se as negociações não conduzirem à celebração de um contrato. Nesse caso, quaisquer cópias feitas pelo fornecedor serão destruídas; as únicas exceções são o armazenamento dentro do escopo das obrigações legais de armazenamento e o armazenamento de dados para fins de backup dentro do escopo do backup normal de dados.
  2. Ferramentas, dispositivos e modelos que colocamos à disposição do fornecedor ou que são fabricados para fins contratuais e que nos são cobrados separadamente pelo fornecedor permanecem nossa propriedade ou passam para nossa propriedade. Isso substitui a transferência de propriedade, que o fornecedor nos armazene os itens gratuitamente com o devido cuidado de um homem de negócios prudente. Devem ser identificados pelo fornecedor como nossa propriedade, ser segurados contra danos de qualquer tipo e ser utilizados só para os fins do contrato. Na ausência de acordo em contrário, cada parte contratante suportará metade dos custos de sua manutenção e reparo. Entretanto, na medida em que esses custos sejam atribuíveis a defeitos em tais itens fabricados pelo fornecedor ou ao uso indevido por parte do fornecedor, seus funcionários ou outros agentes indiretos, eles serão suportados exclusivamente pelo fornecedor. O fornecedor deverá nos notificar imediatamente sobre qualquer dano a esses itens que não seja meramente insignificante. Mediante pedido, ele será obrigado a nos devolver os itens em condições adequadas se eles não forem mais exigidos por ele para a execução dos contratos celebrados conosco.
  3. As retenções de propriedade por parte do fornecedor só se aplicam na medida em que se relacionem com nossa obrigação de pagamento dos respectivos produtos sob os quais o fornecedor mantém a propriedade. Em particular, não são permitidas reservas de propriedade estendidas ou prolongadas.

Parágrafo 7 Reclamações

  1. Desvios na qualidade e quantidade são, de qualquer forma, notificados em tempo hábil se os notificarmos ao fornecedor dentro de 10 dias úteis após nosso recebimento da mercadoria. Os defeitos materiais ocultos devem, em qualquer caso, ser notificados em tempo hábil se a notificação for feita ao fornecedor dentro de 10 dias úteis após a descoberta.
  2. Não renunciamos a reclamações de garantia aceitando ou aprovando amostras ou espécimes apresentados.

Parágrafo 8 Reclamações de garantia

  1. Em caso de defeitos, teremos direito às reivindicações legais sem restrição, a menos que seja indicado o contrário abaixo. Temos o direito de exigir que o fornecedor remedeie o defeito ou entregue um novo item, a nosso critério. O fornecedor terá o direito de recusar o tipo de desempenho posterior escolhido por nós se os pré-requisitos do parágrafo 439, seção 3 do Código Civil Alemão (BGB) forem observados. O direito à indenização é expressamente reservado.
  2. Em casos urgentes, em particular se a segurança operacional estiver em perigo, se houver risco de danos extraordinariamente elevados ou para manter a capacidade de entrega, temos o direito, após consulta com o fornecedor e às custas do fornecedor, de remediarmos nós mesmos o defeito ou de o termos remediado por terceiros.
  3. O período de reclamação de garantia é de 36 meses a partir do recebimento da entrega por nós ou da aceitação.
  4. Após o recebimento de nossa notificação por escrito de defeitos pelo fornecedor, o prazo de prescrição para reclamações de garantia será suspenso até que o fornecedor rejeite nossas reclamações ou declare o defeito remediado ou se recuse de outra forma a continuar as negociações sobre nossas reclamações. Em caso de entrega de substituição e remediação de defeitos, o período de reclamação de garantia para peças substituídas e remediadas deverá recomeçar, a menos que tenhamos que assumir da conduta do fornecedor que esse não se considerou obrigado a tomar a medida, mas apenas se responsabilizou pela entrega de substituição ou remediação de defeitos como um gesto de boa vontade ou por razões similares.
  5. O fornecedor será responsável por todos os danos e despesas incorridas por nós, direta ou indiretamente, como resultado de defeitos no item. Se uma entrega defeituosa já tiver sido processada, o fornecedor também será obrigado a reembolsar os custos de instalação e remoção, bem como os custos associados à devolução de peças defeituosas.

Parágrafo 9 Responsabilidade pelo produto

  1. O fornecedor será responsável por todas as reivindicações feitas por terceiros por danos pessoais ou danos materiais atribuíveis a um produto defeituoso fornecido por ele e será obrigado a nos indenizar contra qualquer responsabilidade resultante disso. Se formos obrigados a executar uma revogação de produto para terceiros devido a um defeito em um produto fornecido pelo fornecedor, este deverá suportar todos os custos associados à revogação de produto.
  2. O fornecedor é obrigado a manter o seguro de responsabilidade pelo produto às suas próprias custas com um valor apropriado, que, a menos que acordado de outra forma em casos individuais, não precisa cobrir o risco de revogação de produto ou danos punitivos ou similares. Mediante pedido, o fornecedor nos enviará uma cópia da apólice de responsabilidade a qualquer momento ou nos fornecerá provas do valor da cobertura.

Parágrafo 10 Direitos de propriedade

  1. O fornecedor garante, de acordo com a seção 2, que nenhum direito de propriedade de terceiros é infringido por produtos fornecidos por ele em países da União Europeia ou em outros países nos quais ele fabrica os produtos ou os tem fabricados.
  2. O fornecedor é obrigado a nos indenizar contra todas as reclamações feitas por terceiros contra nós devido à violação dos direitos de propriedade referidos na seção 1 e a nos reembolsar por todas as despesas necessárias relacionadas a essa reclamação. Essa reivindicação não existe na medida em que o fornecedor prova que não é responsável pela violação do direito de propriedade nem deveria ter tido conhecimento dela no momento da entrega, se tivesse exercido o devido cuidado comercial.
  3. Nossas outras reivindicações legais devido a defeitos de propriedade dos produtos entregues a nós permanecem inalteradas.

Parágrafo 11 Peças de reposição

Se o fornecedor pretender interromper a produção de peças de reposição para os produtos que nos são entregues, ele nos informará imediatamente após a decisão de interrupção. Sujeita à seção 1, essa decisão deve ser tomada pelo menos 6 meses antes da cessação da produção.

Parágrafo 12 Sigilo

  1. O fornecedor é obrigado a manter em segredo os termos e condições do pedido, bem como todas as informações e documentos disponibilizados para esse fim (com exceção das informações de acesso público) por um período de 5 anos após a conclusão do contrato e a utilizá-los apenas para a execução do pedido. Ele os devolverá imediatamente após o pedido, após a conclusão das consultas ou após o processamento dos pedidos.
  2. Sem nosso consentimento prévio por escrito, o fornecedor não pode se referir à relação comercial em material publicitário, folhetos, etc. e não pode exibir itens de entrega fabricados para nós.
  3. O fornecedor vincula seus subfornecedores de acordo com esse parágrafo 12.

Parágrafo 13 Regulamentação relevante/Responsabilidade pública

  1. É esperado que o fornecedor implemente as normas legais aplicáveis na República Federal da Alemanha e em outros países europeus.
  2. Da mesma forma, o fornecedor deverá fornecer as entregas pedidas por nós de acordo com as regras de tecnologia geralmente reconhecidas e observar as normas VDI, VDE e DIN aplicáveis no momento da entrega e outros regulamentos legais relevantes, bem como os regulamentos de prevenção de acidentes.
  3. Em caso de pedidos de exportação, as regulamentações relevantes do país de destino devem ser cumpridas e faturas comerciais pro forma, certificados de origem ou outros documentos de exportação exigidos sob as respectivas regulamentações de importação devem ser apresentados antes do despacho.
  4. No caso de bens perigosos, o fornecedor deve, sem ser solicitado a fazê-lo, anexar a cada entrega (parcial) de bens uma folha de instruções sobre o uso adequado e chamar a atenção para os perigos particulares.
  5. O fornecedor contratou um seguro de responsabilidade comercial adequado ao escopo de entrega e desempenho (se aplicável, em combinação com o parágrafo 9, seção 2). A comprovação do seguro deve ser fornecida mediante pedido.

Parágrafo 14 Cessão

O fornecedor não tem o direito de ceder suas reivindicações decorrentes da relação contratual ou de as ter recolhidas por terceiros. Isso não se aplica no que diz respeito a reivindicações de dinheiro. Temos direito a direitos de compensação e retenção, na medida prevista por lei.

Parágrafo 15 Local de atuação, local de jurisdição, lei aplicável

  1. O local de atuação para ambas as partes e o local exclusivo de jurisdição para todas as disputas decorrentes da relação contratual é nossa sede registrada em Bergisch Gladbach, Alemanha. Temos também o direito de escolher o local de jurisdição do fornecedor.
  2. Os contratos celebrados entre nós e o fornecedor serão regidos pela lei da República Federal da Alemanha, com exclusão da convenção sobre contratos para a venda internacional de bens (Convenção de Vendas da ONU).
  3. Na medida em que o contrato ou esses Termos e Condições Gerais de Compra contenham lacunas, aquelas disposições legalmente eficazes serão consideradas como tendo sido acordadas para preencher essas lacunas que as partes contratantes teriam acordado de acordo com os objetivos econômicos do contrato e a finalidade desses Termos e Condições Gerais de Compra se tivessem tido conhecimento da lacuna.

Versão: 08/2015